BRUXELAS: Usando o guarda volumes na Gare Midi

Quando do check-out no hotel, vivemos um pequeno impasse. Nosso trem sairia às 21h13min da Gare Brussels – Midi, mas nosso check-out deveria ser realizado até 12h00. Tínhamos comprado duas sacolas de chocolate e carregávamos também uma pequena mala. Seria extremamente inconveniente passarmos nosso último dia em Bruxelas carregando esses volumes. Assim, surgiu a dúvida: deixaríamos ou não nossos preciosos chocolates aos cuidados do hotel até o horário de seguir viagem?

Como criamos um estranho apego aos chocolates, optamos por não os deixar no hotel. Resolvemos, portanto, utilizar o guarda volume da Gare de Bruxelas – Midi.

Nessa estação, os armários para guardar bagagem ficam em área de fácil acesso e visualização. Há, inclusive, várias placas indicativas. Eles ficam no saguão de espera para embarque, num cantinho aberto ao público. Não há controle de acesso, tampouco raio-x ou vistoria dos volumes.

Placa de localização

Exemplo de placa de localização, há outros modelos espalhados pela Gare

Há colunas cinzas e azuis, ambas dispõem de três tamanhos de armários

Há colunas cinzas e azuis, ambas dispõem de três tamanhos de armários

Após localizar os armários, é necessário então encontrar um compartimento adequado e disponível para o depósito das malas. Eles oferecem armários de 3 dimensões distintas, com preços variados. O grande (cabe malas grandes) custa €4 por 24 horas, o médio €3.50 e o pequeno €3.0 pelo mesmo período. O pagamento deverá ser realizado em moeda. Abaixo, transcrevo as instruções para o uso desse guarda volumes automático:

INSTRUÇÕES PARA USO:

  1. Colocar as bagagens no armário. Escolher um armário que esteja aberto com a luz verde acesa.
  2. Escolher, na telinha da coluna do armário, o idioma desejado
  3. Fechar o armário pressionando a portinha por alguns segundos. Quando travada a porta, o preço aparecerá na tela;
  4. Introduzir as moedas para pagamento;
  5. Um tíquete com código de barra sairá da máquina;
  6. Guardar o tíquete com código de barra, ele será utilizado para retirar as bagagens.
  7. Memorizar o número da coluna e do armário. Esses dados ficam registrados no tíquete, mas é bom memoriza-los ou anotá-los em local seguro, já que o tíquete pode ser perdido.
IMG_2753

Tíquete

Tela na coluna

Tela na coluna

INSTRUÇÕES PARA RETIRAR AS BAGAGENS:

  1. Apresentar o tíquete na frente do leitor de código de barra situado na coluna do armário correspondente;
  2. A porta do armário se abrirá.

Caso o tíquete seja perdido, eles cobram uma taxa de € 12,50.

Na nossa experiência, o serviço funcionou perfeitamente e nossos chocolates foram preservados. Quando do depósito, alguns armários não estavam funcionando, testamos uns 3 até encontrarmos nossa portinha.

Para quem tem problemas com máquinas, a Gare Midi disponibiliza um guarda volumes à moda antiga, com um balcão de atendimento que faz o recolhimento dos volumes. Os preços são os mesmos. Utilizamos esse balcão apenas para trocar uma cédula em moedas.


Outros posts relacionados a Bruxelas:

– Bélgica: um mergulho nas cervejas – Bruxelas

– Bruxelas: flores, chocolates e cervejas – Primeiro dia

– Bruxelas: flores, chocolates e cervejas – Segundo dia

– Bruxelas: flores, chocolates e cervejas – Terceiro dia